Amateur

Gozo na boca calcanhar e náilon

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

Milf japonesa sofia rosa nude
na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

na náilon gozo e boca calcanhar

Se você continuar a navegar o site, você aceita o uso de cookies. Se você continuar a utilizar o site, você aceita o uso de cookies. Se prefira sair da plataforma, por favor, encerre sua conta do SlideShare. Saiba mais. Publicada em 23 de fev de O filme narra a história de Jean-Dominique Bauby, um jornalista bem-sucedido, editor da revista Elle que, aos 43 anos de idade, sofreu um acidente vascular cerebral. Em conseqüência desse ataque, Jean-Do, como era chamado, desenvolveu uma síndrome rara, denominada síndrome do encarceramento, a qual deixou seu corpo totalmente paralisado.

Ele só podia movimentar o olho esquerdo. SlideShare Explorar Pesquisar Você. Enviar pesquisa. Início Conheça mais. O slideshow foi denunciado. O escafandro-e-a-borboleta-jean-dominique-bauby.

Próximos SlideShares. Gostou do documento? Inicie em. Mostre SlideShares relacionados no final. Código do WordPress. Silvana Eloisa , Gerente de expediente Seguir. Publicada em: Estilo de vida. Full Name Comment goes here.

Are you sure you want to Yes No. Tasha Thomson Did u try to use external powers for studying? They helped me a lot once. Insira sua mensagem aqui. Eduarda Elias. Sem downloads. Visualizações Visualizações totais. Ações Compartilhamentos. Nenhuma nota no slide. O escafandro-e-a-borboleta-jean-dominique-bauby 1. Título original: Lê scaphandre et lê papillon. ISBN 1.

Bauby, Jean-Dominique. Título CDD Acidentes vasculares cerebrais : Pacientes : Biografia Pacientes : Acidentes vasculares cerebrais : Biografia Para Théophile e Celeste, com os desejos de muitas borboletas.

Devagarinho, meu quarto vai saindo da penumbra. Naquele dia descobri de chapa essa peça mestra do nosso computador de bordo, passagem obrigatória entre o encéfalo e as terminações nervosas, quando um acidente vascular cerebral pôs o tal tronco fora do circuito. Foi só no fim de janeiro que emergi de fato neste quarto do Hospital de Berck, à beira-mar, onde penetram agora os primeiros clarões da aurora. Depois da trégua da noite, meus brônquios obstruídos recomeçam a roncar ruidosamente. Isso às vezes basta para aliviar um membro dolorido.

Pode-se voar pelo espaço ou pelo tempo, partir para a Terra do Fogo ou para a corte do rei Midas. Pode-se visitar a mulher amada, resvalar para junto dela e acariciar-lhe o rosto ainda adormecido. Construir castelos de vento, conquistar o Velocino de Ouro, descobrir a Atlântida, realizar os sonhos da infância e as fantasias da idade adulta. Preciso compor o início destes cadernos de viagem imóvel e estar pronto para quando o enviado de meu editor vier tomar o ditado, letra por letra.

Sete e meia. Por enquanto, um desenho animado conta a história do sapo mais veloz do Oeste. E se eu formulasse o desejo de ser transformado em sapo? Logo em seguida me vestiram.

Quando fiquei prontinho, o ritual pôde começar. Dois gaiatos me agarraram pelos ombros e pelos pés, me levantaram da cama e me depuseram na cadeira, sem grandes delicadezas. Só precisaram mesmo calçar minha cabeça com uma almofada especial, pois eu cabeceava como mulher africana, quando lhe tiram a pirâmide de argolas que lhe esticou o pescoço anos a fio.

Mais cortante que uma lâmina de guilhotina. As coisas ficaram mais claras. Para começar, é uma raridade. Em Berck, somos apenas dois com esses sintomas, e ainda por cima a minha L. Sabe-se apenas que, se o sistema nervoso resolver voltar a funcionar, isso vai acontecer na velocidade com que um cabelo cresceria a partir da base do encéfalo. Portanto, ainda podem transcorrer alguns anos antes que eu consiga mexer os dedos dos pés. Por ora, eu seria o mais feliz dos homens se conseguisse engolir convenientemente o excesso de saliva que me invade a boca sem parar.

Tento pôr um pouco de ordem nesse vasto movimento de almas. Foi assim que confiei meu olho direito a um marabu camaronês, a quem uma amiga delegou a tarefa de obter para mim a mansuetude dos deuses africanos. Silhueta esportiva e perfil de moeda romana, Brigitte vem pôr para funcionar braços e pernas conquistados pela ancilose.

À força de exercícios, chegamos agora ao ponto de nela conseguir introduzir uma chupeta. Com seus dedos tépidos, Brigitte percorre todo o meu rosto, a zona estéril, que me parece ter consistência de pergaminho, e a parte inervada, onde ainda consigo franzir uma sobrancelha.

Assim, um episódio doméstico como a toalete pode inspirar em mim sentimentos variados. Num dia, acho divertido, aos quarenta e quatro anos, estar sendo lavado, revirado, esfregado e posto em cueiros como um bebê. No dia seguinte. Ao delicioso instante em que mergulho na banheira logo sucede a saudade dos grandes banhos que eram o luxo da minha antiga vida.

Recusando-me a adotar o infame estilo jogging recomendado pela casa, retorno minhas velhas roupas de estudante anacrônico. Assim como o banho, meus velhos coletes poderiam abrir pistas dolorosas em minha memória. Mas neles prefiro ver um símbolo de que a vida continua. E a prova de que desejo continuar sendo eu mesmo.

O B bronqueia porque ficou perto do V, com o qual é sempre confundido. O sistema é bem rudimentar. Essa é a teoria, as instruções de uso, a nota explicativa. Quem costuma fazer palavras cruzadas e jogar mexe-mexe ganha disparado.

As garotas se saem melhor que os garotos. Tudo isso entremeado de patacoadas incompreensíveis, palavras mal compostas, letras perdidas e sílabas desarrimadas. Tenho mais medo dos evasivos. Os pés-de-boi é que nunca se enganam. Anotam todas as letras, escrupulosamente, e nunca procuram penetrar o mistério de uma frase antes que ela esteja terminada. Nem pensar em completar uma palavra sequer. No entanto, entendi a poesia desses trocadilhos no dia em que, como eu pedisse meus óculos lunettes , alguém me perguntou com grande elegância o que eu queria fazer com a lua lune Em certo dia de muito vento ousei aproximar-me e enterrar a cabeça nas pregas de seu vestido de gaze branca, com largas listras acetinadas.

Depois disso, certa tarde em que confiava minhas tristezas ao seu retrato, uma figura desconhecida veio intrometer-se entre nós dois. Num reflexo da vitrina apareceu um rosto de homem que parecia ter pernoitado em barril de dioxina. A boca era torta, o nariz amarrotado, o cabelo desgrenhado, o olhar apavorado. Um olho estava costurado, e o outro arregalado como o olho de Caim. Por um minuto fixei aquela pupila dilatada sem entender que simplesmente era eu mesmo.

Rimos até chorar. Teríamos volteado sobre os quilômetros de ladrilhos. Desde esses Essa pode ser uma oportunidade de descobrir um recanto desconhecido, de entrever rostos novos, de roubar de passagem um odor de cozinha. Foi assim que deparei com o farol numa das primeiras vezes em que empurravam minha cadeira de rodas, logo depois que saí das brumas do coma. Os arrabaldes de Berck parecem maquete para trem elétrico. Eu passaria dias inteiros em Cinecittà.

Ali sou o maior realizador de todos os tempos.

0 Comment

Leave a Comment

Privacy Settings
We use cookies to enhance your experience while using our website. If you are using our Services via a browser you can restrict, block or remove cookies through your web browser settings. We also use content and scripts from third parties that may use tracking technologies. You can selectively provide your consent below to allow such third party embeds. For complete information about the cookies we use, data we collect and how we process them, please check our Privacy Policy
Youtube
Consent to display content from Youtube
Vimeo
Consent to display content from Vimeo
Google Maps
Consent to display content from Google